Preparar a mala para a Islândia

Preparar a mala para a Islândia

O que levar na mala? Se estão a preparar uma  viagem à Islândia de certeza que já tiveram essa dúvida. Com apenas um mês para organizar a nossa viagem e pouco tempo para fazer compras ficamos com algum receio. Nunca tínhamos viajado no inverno, muito menos para um país nórdico. Admito que sendo extremamente friorenta, estava com medo de não aproveitar a viagem à custa do frio. E sabem que mais? Passei muito mais frio cá em Portugal do que na Islândia! Está tudo impecavelmente isolado e aquecido nesse país e se vos faltar algum tipo de roupa irão encontrar lá com facilidade (possivelmente mais caro, mas com uma qualidade inigualável). Na Islândia devem privilegiar o número de camadas e não a espessura da roupa. O tempo consegue ser bastante imprevisível na Islândia, chegamos a apanhar um céu totalmente azul e passado 1h uma tempestade de neve. A técnica das camadas é assim mais confortável, principalmente quando entramos em restaurantes e hotéis, e protege melhor do frio.

Islândia | A base para qualquer viagem

Este é o básico para qualquer tipo de viagem à Islândia, que seja verão ou inverno devem ter com vocês:

Um calçado confortável e de preferência impermeável (gore-tex). Vimos muita gente com botas do tipo Timberland, e sapatilhas de montanha de cano alto.

 Um casaco corta vento, impermeável e quente. Indispensável em qualquer altura do ano. Eu usei este da marca Wed’ze e achei-o perfeito:

 

O Axel também levou um da marca Wed’ze deste género e nunca teve frio:

Um obrigado aos nossos amigos Carlos & Isabel 🙂

Umas calças impermeáveis. Existem umas da Decathlon próprias para serem usadas por cima da roupa, tínhamos isso na mochila e só usávamos em caso de chuva/neve.

Umas calças de ganga ou de trekking. Acabamos por usar sempre as de ganga porque não fizemos grandes caminhadas e sempre eram mais quentes que as de trekking. Mas no verão penso que será mais prático usar calças próprias para cmainhar.

Térmicas para usar como primeira camada junto ao corpo, no verão poderão ser úteis para quem tenciona acampar. Só não usamos leggings térmicas no primeiro dia porque estava um tempo excelente, mas tivemos de as colocar à noite para ver as auroras e nunca mais nos largaram.

2 ou 3 camisolas quentes, as famosas lopapeysa da Islândia são ideais.

Meias de lã para usar nas highlands no verão e para usar sem moderação no inverno. Pessoalmente usei meias de lã todos os dias, o único dia em que não usei senti frio nos pés, mas o Axel só sentiu necessidade de as usar no dia em que fomos ao glaciar. Compramos umas grandes na Decatlhon que cobriam a perna até o joelho, para além de nos manter bem quentes ficamos obviamente super sexys.

Meias em poliéster ou poliamida no verão. Essa composição permite evitar as bolhas.

Um gorro idealmente com forro polar. Útil mesmo no verão, principalmente para usar à noite. No inverno é simplesmente indispensável.

Um cachecol e umas boas luvas, mesmo no verão! Principalmente se tencionam andar à caça das auroras ou observar baleias.

Fato de banho/bikini, indispensável em qualquer altura do ano, excepto se não tencionarem aproveitar os famosos banhos termais da Islândia.

Islândia | Os indispensáveis para viajar no inverno

Como disse mais em cima, sou extremamente friorenta. Então decidi levar não um, mas sim dois casacos e vou ser muito sincera, não foi demais. Usei este casaco por cima do outro à noite e nos dias mais frios em que apanhamos neve, bem como durante a excursão ao glaciar. Este casaco tem um grande capucho que achei muito útil nos dias em que havia vento.

Relativamente ao calçado, comprei as botas de neve mais baratas da Decathlon por cerca de 30€, têm um forro quente por dentro e são impermeáveis. Não tive frio, mas se repetisse a viagem acho que usaria o calçado que referi mais acima. O mais importante é serem impermeáveis e confortáveis, porque usando o acessório que iremos referir a seguir, não terão frio! Se tiverem orçamento para isso, ou se tencionam visitar frequentemente países nórdicos, poderá ser interessante investir numas botas do tipo Sorel.

 

Se como eu sofrem de pés frios, este é um acessório indispensável no inverno: as escalfetas! Compramos por 4€ na Decatlhon e são muito fáceis de usar. Basta abrir o saco, demoram 10 a 15 minutos a aquecer e o calor mantém-se por mais ou menos 6h.

 

Por recomendação de outros bloggers, acabamos por comprar umas chuteiras de neve na Amazon por 15€ e foi sem dúvida um excelente investimento. Nas zonas próximas às cascatas a combinação neve+água cria um terreno excelente para assistir às melhores quedas do ano. Com as chuteiras nunca escorregamos, achei mesmo muito prático, só não recomendo comprar este modelo porque a parte de trás não fica bem presa ao pé e estava constantemente a sair.

Recomendo as chuteiras que os islandeses usavam lá e que estavam à venda nas bombas de gasolina por 18€. Experimentamos estas chuteiras na excursão ao glaciar e eram mesmo top, prendiam muito bem e não saiam do pé.

Quanto às mãos usamos também a técnica das camadas, usávamos estas luvas tácteis da Dectalhon (4€) como primeira camada, o que nos permitiu tirar fotografias sem congelar as mãos:

Por cima dessas usamos umas boas luvas de neve que nos mantinham bem quentes, mesmo durante a noite (~30€ na Decatlhon):

 

Outra coisa que se revelou bastante útil durante a viagem: uma garrafa isotérmica! Enchíamos de manhã com café ou chá no hotel e tínhamos assim uma bebida quente sempre disponível ao longo do dia.

Islândia | Material fotográfico

Acho que nunca chegamos a partilhar com vocês a marca da nossa máquina fotográfica, mas tem sido a nossa melhor companheira de viagem nos últimos 2 anos e ficamos completamente rendidos à marca Fujifilm X-T1. A meu ver, é a máquina ideal para os viajantes, é super compacta, leve e versátil. Além disso é blindada, ou seja, não entra água nem areia dentro. Atualmente já existe a X-T2.

Temos sempre connosco 3 baterias extras e vários cartões SD (com uma metralhadora ao lado torna-se indispensável). Convém ter um saco impermeável para transportar o equipamento.

Para esta viagem decidimos investir finalmente num tripé, um indispensável para quem quiser fotografar auroras. Após várias pesquisas acabamos por optar por um tripé da marca Manfrotto, mais precisamente o Manfrotto Compact Advanced com rótula 3D (pagamos 69€ pela Amazon, na Fnac custa 110€). É bastante compacto (44 cm fechado) e leve (1537 g), sendo facilmente transportado na mochila. Atinge uma altura máxima de 165 cm (o que não é nada mau) e tem uma boa estabilidade.

 

Espero que este artigo seja útil, se tiverem mais alguma dica para a Islândia partilhem nos comentários 😉

AS FERRAMENTAS INDISPENSÁVEIS PARA ORGANIZAR UMA VIAGEM:

 Podem encontrar aqui os melhores voos: Skyscanner ou Momondo

 Para encontrar as melhores promoções e reservar o vosso alojamento recomendamos o Booking

 Façam sempre um bom seguro de viagem, os Seguros Iati têm atendimento em português, são especializados em viagem e não cobram franquia! Se realizarem a compra através do nosso link têm direito a 5% de desconto em qualquer seguro.

Procurem as melhores excursões e comprem os vossos bilhetes para as melhores atrações na GetYourGuide

 Poupem em taxas de levantamento usando o Cartão Revolut.

TUDO PARA UMA VIAGEM PERFEITA

...

O MELHOR HOTEL AO MELHOR PREÇO



Booking.com

UM CRÉDITO PARA A PRÓXIMA VIAGEM

O MELHOR SEGURO EM PORTUGUÊS

* Se realizarem a vossa reserva através de um dos links do nosso blogue, estarão a ajudar a desenvolver os Destinos Vividos, e o melhor disto, é que não pagam nada a mais por isso. Obrigada*

SIGAM AS NOSSAS AVENTURAS

- Instagram -

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *