Visitar os Castelos do Vale do Loire | Roteiro de 2 dias

Índice do Artigo

Partilha >>>

História do Vale do Loire

Antes de vos falar de assuntos mais práticos sobre uma das regiões mais bonitas e turísticas de França, deixem-me primeiro contextualizar. Este local merece indubitavelmente uma introdução histórica. Os Castelos do Vale do Loire atraem mais de 4 milhões de turistas por ano! Só isso. E agora espantem-se, estamos a falar de mais de 3000 castelos espalhados ao longo de 200 quilómetros nas bermas de um dos rios mais compridos de França: La Loire.

A grande maioria dos castelos do Vale do Loire foi construída entre os séculos XV e XVI, no fim da Guerra dos Cem Anos. Numerosas batalhas ocorreram nessa região, o rio Loire transformou-se assim numa fronteira física entre os campos de batalha fazendo com que muitas fortalezas fossem construídas ao longo do rio. Os castelos foram posteriormente reaproveitados e decorados pelos nobres. Dos mais de 3000 castelos, apenas onze são castelos reais

Quando visitar os Castelos do Vale do Loire?

Em boa verdade podem visitar esta região em qualquer altura do ano. O inverno, apesar de frio, tem a vantagem de ter menos turistas. Um bom compromisso costuma ser a primavera e o outono. Fomos no mês de Maio e acabamos por ter um tempo nublado, mas conseguimos escapar à multidão do verão. 

A maior parte dos turistas fica concentrada entre os castelos de Chambord, Cheverny e Chenonceau, por isso recomendo visitar esses castelos de manhã cedo ou mais ao fim do dia. Se tencionam visitar castelos menos famosos irão certamente estar mais sossegados.

castelo de cheverny vale do loire

Como chegar ao Vale do Loire?

Avião

☞  Do Porto: Existem 3 voos semanais da Ryanair que efectuam a ligação directa entre o Porto e Tours. O voo dura cerca de 2h e se comprarem com antecedência poderão arranjar voos de ida e volta  por 80€. Conseguem por exemplo ir num sábado de manhã e regressar na terça seguinte. Outra opção é voar para Paris, sendo que os voos mais baratos são efectuados pela Ryanair (Beauvais), Transavia (Orly), Easyjet (Charles de Gaulle), Vueling (Orly), TAP (Orly) e Aigle azur (Orly). De Paris podem depois apanhar o comboio.

☞  Lisboa e Faro: Não existem voos directos. Se tencionam incluir os Castelos do Vale do Loire numa visita mais alargada que inclui Paris podem optar por voar diretamente para a capital. Se não tencionam visitar Paris, a opção mais barata consiste em ir até o Porto de autocarro (a companhia Flixbus tem preços imbatíveis) e voar de lá para Tours.

Comboio

Sem dúvida a opção mais rápida para quem sai de Paris. Têm duas opções:

☞  Ir de TGV até Tours (o trajecto demora cerca de 45 min por 35-40€ ida e volta). Podem sair da estação Montparnasse ou do aeroporto Charles de Gaulle.

☞   Outra opção consiste em ir até Blois num comboio intercidades que sai da estação Paris-Austerlitz (o trajecto demora cerca de 1h20 e custa 35-40€ ida e volta). Podem comprar os bilhetes pelo site da SNCF. A partir da estação podem depois ir de autocarro para os castelos (explico mais à frente as diferentes opções que existem para os principais castelos).

Carro

Para ter maior liberdade nos horários e poder explorar os Castelos do Vale do Loire ao vosso ritmo, alugar um carro é, a meu ver, a melhor opção. Podem alugar o carro por cerca de 40€/dia. Costumamos reservar na Autoeurope e escolhemos sempre a opção Super Cover com franquia zero para viajarmos mais descansados. Se alugarem o carro em Paris o trajeto até Tours/Blois pela A10 demora cerca de 2h20.

castelos do vale do loire

Onde dormir para visitar os Castelos do Vale do Loire?

Podem optar por dormir em Tours, em Blois ou em Amboise. Pessoalmente ficamos em Tours e adoramos! Uma cidade muito agradável com muita escolha em termos de restaurantes e hotéis. Além disso, a Catedral Saint-Gatien de Tours merece, por si só, uma visita.

O Ferdinand Hotel Tours é um dos melhores hotéis da cidade com uma excelente relação qualidade/preço. Está muito bem localizado no centro da cidade e inclui um fabuloso pequeno almoço. Para mais informações e reservas é por aqui.

castelos vale do loire
castelos vale do loire
castelos vale do loire

Cidades a visitar no Vale do Loire

Angers: Esta é a primeira cidade do lado oeste do Vale do Loire. Não me parece ser uma boa opção para pernoitar pois nessa região os castelo ainda são raros. No entanto, para quem tiver mais tempo pode valer a pena o desvio para descobrir a cidade, o Castelo de Angers e o Museu das Belas Artes ou ainda a Terra Botanica, um jardim botânico com várias informações e percursos temáticos, ideal para visitar com crianças.

Tours: Sem dúvida a cidade mais importante e mais visitada do Vale do Loire. Que seja pela sua oferta em termos de alojamento e restaurantes ou pela sua localização, Tours acaba por ser o local ideal para pernoitar e explorar as redondezas. Mas a cidade merece só por si uma visita, tentem por isso guardar algumas horas para visitar o centro tão encantador e charmoso de Tours. Vale a pena visitar a Catedral de Tours, a Praça Plumereau, a Basílica Saint Martin e o Jardim Botânico de Tours.

Amboise: Continuando sempre para este, Amboise é outra cidade do Vale do Loire que merece uma visita. Dois locais que não podem perder lá: o Castelo de Amboise e o Castelo do Clos Lucé onde residiu Leonardo da Vinci nos seus últimos anos de vida. Para os amantes de fotografia, vale a pena atravessar a ponte e fotografar Amboise da margem oposta, apanham assim o reflexo do castelo no rio. Amboise fica muito perto do Castelo de Chenonceau, sendo por isso uma boa opção para pernoitar e visitar assim o castelo logo à abertura.

Blois: Esta é outro local onde podem pernoitar pois é a cidade que fica mais perto do Castelo de Chambord e do Castelo de Cheverny. A própria cidade possui também um pequeno castelo que não chegamos a visitar, mas achei o centro da vila muito encantador e fotogénico.

Visitar o Vale do Loire em 2 dias - Roteiro

Dia 1: existem duas opções para esta primeira manhã. Dependendo das vossas preferências podem optar por visitar a cidade de Tours com calma ou visitar o Castelo de Cheverny. Há quem faça as duas coisas numa única manhã. Recomendo depois consagrar a tarde ao castelo mais bonito e imponente do Vale do Loire: o Castelo de Chambord. Contem com pelo menos 2h para visitar o castelo. No fim podem fazer um passeio de bicicleta pelo parque do castelo e finalizar o dia em Tours, Blois ou Amboise. Para os amantes de fotografia, aproveitem a hora do pôr do sol para fotografar o castelo de Chambord ou Amboise do outro lado do rio.

Dia 2: para este segundo dia, se tiverem sorte com o tempo recomendo um passeio de canoa até o Castelo de Chenonceau. Em menos de 30 minutos estarão frente a esta beleza arquitectural sendo possível passar por baixo do castelo por um dos numerosos arcos que tornam este castelo tão fotogénico. Em datas específicas é também possível organizar essa atividade ao nascer do sol, um momento único. Depois dessa experiência memorável recomendo visitar o castelo em si. Podem depois almoçar em Amboise e visitar de tarde o Castelo do Clos Lucé e a vila de Blois com o seu pequeno castelo. 

Visitar o Castelo de Chambord no Vale do Loire

castelo chambord vale do loire
Fonte: GetYourGuide.com

Se tiverem tempo para visitar apenas um castelo que seja obviamente este. O Castelo de Chambord é uma visita imperdível no Vale do Loire. Foi construído sob as ordens do rei François I, tem mais de 400 salas sendo um dos maiores castelos da Europa. A sua arquitectura única e localização junto ao rio Cosson tornam o castelo muito fotogénico e propício a diferentes atividades.

Entre 20 quilómetros de percursos pedestres no meio da floresta, passeios de barco eléctrico no rio, voo de balão, aluguer de bicicletas, passeios equestres, visitas guiadas para observação da fauna e flora, atividades não faltam para passar um dia inesquecível neste castelo. A floresta que rodeia Chambord está totalmente vedada com um muro que perfaz cerca de 32 quilómetros. Este é um dos maiores parques florestais do país com uma superfície de 5440 hectares. 

Informações úteis

Comprar o bilhete para o Castelo de Chambord

O bilhete é gratuito para todos aqueles que tiverem menos de 18 anos e para os 18-25 anos que residem num dos países da UE. Para o comum dos mortais o bilhete normal tem um custo de 14,50€. Recomendo comprar antecipadamente o vosso bilhete para evitar filas aqui (podem cancelar até 24h antes).

Como chegar ao Castelo de Chambord

A partir de Blois existe uma navette que custa 6€ e que permite fazer o circuito: Blois-Chambord-Cheverny-Beauregard-Blois, parando onde quiser e o tempo que quiser. Podem ver os horários aqui. Se apresentarem o bilhete da navette à entrada dos castelos de Chambord, Cherverny e Beauregard terão direito a um desconto de 2€.
A partir de Tours, se não tiverem carro, o mais fácil ainda é ir de comboio até Blois (custa 11.20€ e demora cerca de 40min) e de lá visitar Chambord e Cheverny com a navette, depois de Cheverny seguem para o castelo de Chenonceau.

Horários

Do 01/11 ao 31/03 está aberto das 09h às 17h.
Do 01/04 ao 31/10 está aberto das 09h às 18h.

Parque de estacionamento

O parque mais perto do Castelo (P0) custa 6€/dia. O parque mais afastado (P2) custa 4€/dia. O P1 está reservado aos minibus e autocarros. Verifiquem sempre estas informações no site oficial do castelo.

Jardins

Os jardins estão abertos 24/24h e o acesso é gratuito. Podem percorrer os 20 quilómetros de percurso na floresta a pé, alugar bicicletas ou fazer um passeio com guia de 4×4 para observação da fauna e flora. Encontram todas as informações úteis no Site Oficial.
O castelo encerra no primeiro dia do ano, na última segunda-feira do mês de Janeiro e no 25 de Dezembro.

Uma noite de luxo em Chambord

Para quem quiser desfrutar do local sem turistas e acordar com uma vista privilegiada sobre o castelo, existe um hotel no seio do parque florestal de Chambord: Relais Chambord. Este hotel propõe diversas opções a partir de 200€/noite o quarto duplo.

Visitar o Castelo de Chenonceau no Vale do Loire

castelo chenonceau vale do loire
Fonte: GetYourguide.com

O Castelo de Chenonceau é outro imperdível do Vale do Loire. Mais pequeno que o anterior, não deixa de ter muito charme com os seus arcos por cima do rio Cher. Este castelo tem a particularidade de ter sido construído por cima de uma ponte. 

Este castelo teve um papel muito interessante ao longo da história. Foi primeiro um hospital militar durante a primeira guerra mundial para se transformar depois numa passagem “secreta” para os judeus durante a segunda guerra mundial. O rio Cher separava nessa altura a França livre da ocupada, e foi graças ao Castelo de Chenonceau construído por cima da ponte que os judeus conseguiram atravessar secretamente o rio para alcançar a França livre.  

É também conhecido por “Castelo das damas“, isto porque é um dos poucos castelos do mundo a ter sido construído e habitado por mulheres! Uma delas foi a Catherine de Medicis. Feministas no século XV, só podiam ser francesas! 

Vale a pena perder algum tempo a explorar os arredores do castelo para obter perspectivas diferentes com o reflexo do castelo no rio. Os jardins são também muito elegantes.

Informações úteis

Comprar o bilhete para o Castelo de Chenonceau

O bilhete é gratuito para todos aqueles que tiverem menos de 18 anos e para os 18-25 anos que residem num dos países da UE. Para o comum dos mortais o bilhete normal tem um custo de 15,00€. Recomendo comprar antecipadamente o vosso bilhete para evitar filas aqui (podem cancelar até 24h antes).

Como chegar ao Castelo de Chenonceau

O mais fácil para quem não tem carro é partir da estação de Tours e apanhar um comboio TER até à estação de Chenonceau (demora 25 min e custa 7€). Podem comprar os bilhetes no site da SNCF.

Horários

Do 13/10 ao 03/02 está aberto das 9h30 às 17h00
Do 04/02 ao 31/03 está aberto das 09h30 às 17h30
Do 01/04 ao 28/05 está aberto das 09h00 às 19h00
Do 29/05 ao 30/06 está aberto das 09h00 às 19h30
Do 01/07 ao 31/08 está aberto das 09h00 às 20h00
Do 01/09 ao 30/09 está aberto das 09h00 às 19h30
Do 01/10 ao 05/11 está aberto das 09h00 às 18h30
Do 06/11 ao 12/11 está aberto das 09h00 às 18h00

Parque de estacionamento

Para já, existem vários parques de estacionamento gratuitos nas proximidades do castelo. 

Passeio de canoa no castelo de Chenonceau

É possível alugar canoas a partir de 8€/pessoa para passear no rio Cher e passar por baixo do castelo de Chenonceau. Em datas específicas podem também reservar essa atividade ao nascer do sol. Se tiverem um grupo de 8 pessoas ou mais podem solicitar essa atividade ao nascer do sol em qualquer altura (dentro dos meses em que a agência está aberta estando obviamente sujeito à meteorologia). Podem reservar essa atividade com a empresa Canoe Company.

Espero que tenham gostado deste Guia para visitar os Castelos do Vale do Loire. Recomendo ficar no mínimo 2 dias completos na região, mas uma semana não seria de mais. Se ficaram com dúvidas ou quiserem sugerir algo que não se encontra no artigo, escrevam nos comentários.

destinos vividos

Olá !

Somos a Marina e o Axel, um casal ¾ português e ¼ francês, que viaja sempre que pode. Com este blogue queremos mostrar-te a nossa maneira de viajar, totalmente personalizada e totalmente livre, longe dos aborrecidos roteiros pré-feitos que abarrotam de turistas.

Queremos ajudar-te a viajar mais e melhor e, como nós, ser feliz a Viver cada Destino.

Últimos Artigos

Seguro de Viagem

Os Seguros Iati são seguros de viagem com excelentes coberturas, com atendimento em português e sem franquias!  Falamos por experiência própria. Já tivemos de accionar o nosso seguro e foram mesmo impecáveis. 

Por confiarmos neles, decidimos criar uma parceria. Os nossos leitores têm assim direito a 5% de desconto na compra de qualquer seguro IATI.

Reservar Hotel

Reserva o teu alojamento com antecedência para usufruir das melhores ofertas. Muitos hotéis têm cancelamento gratuito no Booking, a plataforma que usamos sempre nas nossas viagens.



Booking.com

Newsletter

Junta-te a nós e recebe as novidades em primeira mão ! Irás receber no máximo um email por mês com as últimas novidades.

Instagram

Partilhamos as nossas viagens em direto no Instagram. Acompanha as nossas aventuras por lá.

Melhor Mochila

Vê aqui como escolher a melhor mochila para viajar e poupar dinheiro com a bagagem!

This Post Has 2 Comments

  1. Teresa Vieira Balsas

    Olá Marina,
    Achei muito interessante e completa a descrição do vale do loire. Vou partir amanhã com uns amigos e gostava de os surpreender com algo que não estivesse nos guias (ex: festa num castelo, tour passagens secretas….). Se os conheço bem já devem ter decorado todos os guias disponíveis o que às vezes pode tornar-se aborrecido. Há alguma coisa especial e diferente de que se lembre ou alguma dica onde possa procurar?
    Obrigada
    Teresa

    1. Marina Ponto Santos

      Olá Teresa,
      O vael do Loire tem imensos castelos, uns menos conhecidos que outros, a única coisa assim mais insólita que eu conheça é o vale das casas trogloditas de Goupillières perto da cidade de Tours. Existe também um espectáculo de luzes na catedral de Tours à noite, mas penso que já terá acabado. Podem sempre perguntar no posto de turismo de Tours (fica perto da estação de comboio), eles poderão informar sobre as diferentes actividades da região 😉
      Boa viagem!

Deixe uma resposta