Visitar o Doi Inthanon e o Doi Suthep em Chiang Mai

Visitar o Doi Inthanon e o Doi Suthep em Chiang Mai

Como chegar ao Doi Inthanon

O parque nacional do Doi Inthanon é um enorme parque natural no meio do qual se podem admirar os magníficos chedis do rei e da rainha. Tendo em conta que se localiza a cerca de 115km do centro de Chiang Mai é preciso contar um dia inteiro só para visitar este sítio. O mais prático e rápido será alugar um carro ou uma mota, o acesso é fácil, basta seguir pela 108 para sul e depois apanhar a 1009 para oeste até aparecerem as indicações para o Doi Inthanon. A versão mais cara inclui passar por uma agência local ou ir de táxi privado.

Entrada do parque: 200 bahts

 

Doi Inthanon

Para os amantes de caminhadas

Junto à entrada principal é possível pagar um guia local (200 bahts por grupo) para fazer uma caminhada de 3h pela floresta do parque. Essa caminhada é simplesmente estupenda, as vistas são bastante impressionantes, vale a pena!

O guia não é que seja essencial, pois são geralmente locais que não falam inglês, mas a presença deles é obrigatória por razões de segurança (não tanto para nós pois o percurso é muito fácil, mas sim para proteger a natureza).

dsc_0861

Como chegar ao Doi Suthep

A entrada do parque nacional do Doi Suthep encontra-se a menos de 20 km do centro de Chiang Mai. Mais uma vez, o mais rápido e barato será alugar um carro ou uma mota e seguir pela estrada 1004. A outra opção consiste em apanhar um daqueles táxis vermelhos, Song-thaews, a viagem custa ~150 THB.

Doi Suthep

Tentem evitar o fim de semana e os feriados, pois trata-se de um templo muito sagrado para os tailandeses que aproveitam esses dias para lá ir.

Entrada do parque: 50 bahts

 

DCIM100GOPROGOPR0446.

O acesso ao templo faz-se por uma escadaria com 306 degraus junto à mitológica serpente, Naga, que nos acompanha até ao topo. Para os mais preguiçosos também existe um funicular (cerca de 30 THB).


Notícia insólita: um casal português perdeu um relógio na Tailândia, e só depois de ver as fotos da viagem é que perceberam onde o tinham “perdido”.

Fonte: Sic Notícias

Por isso tenham cuidado com essas duas meninas que estão no início da escadaria do Doi Suthep.

DCIM100GOPROGOPR0407.


Espero que tenha sido útil, qualquer dúvida não hesitem em contactar-me através da nossa página FACEBOOK

O resumo da nossa estadia em Chiang Mai por aqui.

Filha e neta de imigrantes, as malas seguem-me desde a minha infância. O meu sonho, conhecer cada recanto do nosso maravilhoso mundo, faz com que esteja constantemente a pensar na próxima viagem. Natural de França, vivo actualmente no Porto, onde sou médica nas horas de trabalho e viajante nos meus tempos livres.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *