Mérida, a capital do yucatán

Mérida, a capital do yucatán

Mérida é uma cidade colonial. Talvez seja o que de mais importante se possa dizer sobre ela. Foi fundada por colonialistas para colonialistas.

Mérida

Também apelidada de cidade branca, ela assim o era, não propriamente por causa da cor das paredes, como em Izamal, mas porque os indígenas da região, que eram escuros, não abundavam nestas paragens. Umas centenas de anos passados e a sensação que temos é a de um infindável frenesim de gente, maioritariamente indígena, que ali não pertence, mas à qual se adaptou.

Mérida

A sensação que fica é a de uma cidade dividida entre uma região rica e próspera, mais antiga e mais vistosa, e outra mais recente, mais pobre e com mais gente, muita mais gente. Quem vier pela Calle 62 abaixo, depois de passar pela praça onde se encontra o Palácio del Gobierno e a Catedral de Mérida, poderá sentir a diferença.

Mérida

Por aqui vão encontrar muita gente que vos vai querer mostrar os verdadeiros souvenirs aqueles que devem comprar. Estes souvenirs são produzidos por mexicanos no México. Cada um deles vos vai dizer que apenas uma loja em Mérida está autorizada a vender estes produtos. Eu e a Marina encontramos pelo menos seis destas lojas. Todas indicadas por alguém diferente. Mas aprendemos muito sobre hamacas.

Mérida

Descendo pela praça, continuando apenas mais umas quadras, chegamos ao famoso mercado Lucas de Galvez. As sensações aqui são genuínas, a humanidade cria estes sítios, e fica confortável neles. Aqui existe outra cidade, com outra gente, muito mais numerosa, muito mais pobre, que vende seja o que for onde for.

Mérida

Mérida

A roupa, a fruta descascada, o ruído constante, as sandálias, as crianças que brincam ou choram, a constante agressão do olfacto, os sumos frescos, a pobreza, os autocarros, o lixo, as pessoas… As pessoas passam, habituadas, tudo ignorando. No fim da visita, se se sentirem como eu, vão a um bar, refresquem-se com uma Chaya Maya que vos aquecerá de novo a alma.

Mérida

MÉRIDA | O que visitar:

  • Paseo de Montejo
  • Catedral de Mérida

Mérida

  • Palácio del Gobernador

Mérida

Mérida

Informações úteis:

  • Horário: 08-19h
  • Preço: gratuito
  • Tempo de visita: 30 min

  • Museo Casa Montejo
  • Gran Museo del mundo maya
  • Museo de arte popular

MÉRIDA | Onde dormir ?

Sem dúvida nesta fantástica casa no centro de Mérida. Quarto espaçoso, garagem e casa de banho privada, Wi-Fi, frigorífico, TV… a casa do Mario tem tudo o que faz falta para uma estadia perfeita. [ 1 noite: 15€ ]


Private Room in Merida’s heart

Merida, Yucatán, México

Private room with independent entrance located alongside (less than 1 minute walk) to Paseo Montejo Avenue, where you can find museums, restaurants, bars, mini markets, travel agencies, banks and b…

O nosso quarto, a porta do fundo é a da casa de banho
O nosso quarto com casa de banho privada

MÉRIDA | Onde comer ?

Não faltam restaurantes e bares em Mérida, mas como sempre, recomendamos dar uma vista de olhos ao tripadvisor antes de escolher. Quanto a nós, experimentamos o Chaya Maya onde optamos por 2 pratos mistos para provar várias especialidades como: relleno negro, cochinita pibil, vaporcito com chaya maya e pipián de pavo. O restaurante está muito bem localizado, no centro perto da praça principal, os pratos são bem servidos e saborosos e as bebidas muito boas. 

Mérida

MÉRIDA | O que visitar nos arredores ?

  • Uxmal 

Uma das principais atracções perto de Mérida é a Ruta Puuc, trata-se basicamente duma longa estrada que atravessa diferentes sítios arqueológicos sendo o mais famoso Uxmal. Para quem tiver mais tempo vale a pena visitar as outras áreas arqueológicas que se encontram quase sempre desertas: Kabah, Sayil, Labna, Xlapak e as grutas de Loltún. Podem consultar o itinerário da Ruta Puuc neste mapa:

Quanto a nós, visitamos apenas Uxmal por falta de tempo, o sítio arqueológico é bastante grande sendo possível subir em várias estruturas. Como poderão ver, Uxmal é dos sítios arqueológicos mais bem decorado e preservado. O melhor é chegar bem cedo para evitar tanto os turistas como o sol que se torna bastante incomodativo à hora do almoço!

Uxmal

Uxmal

Uxmal

Informações úteis:

  • Horário: 08-17h
  • Preço: 232 pesos
  • Tempo de visita: 2-3h

  • Haciendas 

A mais conhecida de todas é a Sotuta de Peón, mas existem outras como a hacienda Yaxcopoil e a hacienda Ochil. Optamos por não visitar nenhuma hacienda, pois ao chegar a Mérida percebemos que era uma atracção “para o turista ver” (e pagar bem!!). Se alguém souber de uma hacienda, mais autêntica com preços mais razoáveis, partilhem essa dica preciosa nos comentários.

  • Cenotes de Santo António de Mulix

Cenote X'Batún a 40km a sul de Mérida em direcção de UxmalCenote X’Batún a 40km a sul de Mérida em direcção de Uxmal

Informações úteis:

  • Horário: 08-17h
  • Preço: 100 pesos para os 2 cenotes (X’Batún e Dzonbacal)
  • Dica: vale a pena chegar às 8h para ver o cenote X’Batún vazio

Dúvidas ou dicas a partilhar? Conte-nos tudo nos comentários!

Transmontano de nascença, cidadão do mundo por definição, médico de profissão, viajante por missão. Há muitas coisas que gosto de fazer. Fotografar, escrever e viver, melhor ainda, escrever, fotografar e viver em viajem. Mas viajar, isso, só viajo com a Marina, deve haver poucas coisas melhores a fazer na vida.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *