Informações essenciais sobre a Tailândia

Informações essenciais sobre a Tailândia

Antes de qualquer viagem as nossas perguntas são sempre as mesmas… Qual é a melhor altura para ir? Qual é o custo de vida lá? Será preciso um visto? Será que há vacinas obrigatórias? E por vezes é difícil encontrar a resposta a todas essas questões… por isso tentamos reunir aqui essas informações essenciais que poderão facilitar a escolha do destino e o planeamento da viagem.


Documentos necessários (para residentes da UE):pass

  • O passaporte é obrigatório e tem de ter uma validade de pelo menos 6 meses a partir da data de entrada na Tailândia.
  • Visto obrigatório para estadias superiores a 15 dias (se chagada por via terrestre) ou superiores a 30 dias para chegadas por via aérea.

Segurança

      Em geral a Tailândia é um país bastante seguro tanto para viajantes solitários, mulheres, idosos e crianças. O povo tailandês não é violento, portanto roubos e agressões violentas na Tailândia não são o costume (e quando acontecem são geralmente entre turistas). Agora isso não quer dizer que não existem burlas… Aliás, isso é bastante comum na Tailândia e é preciso ter algum cuidado para não ser roubado dessa forma. As burlas mais frequentes são os tuk-tuk que tentarão sempre levá-lo até “a melhor loja de Bangkok”, “o melhor guia de bangkok”, “o melhor passeio de barco de bangkok”… Não é nada de mau mas é preciso ter cuidado e esclarecer bem antes de entrar nos tuk-tuk e táxis o preço e o sítio para onde pretendem ir. A nós levaram-nos para a melhor loja de alfaiates de Bangkok, o BB Fashion e até foi das experiências mais engraçadas da viagem, por isso é preciso ter cuidado mas também saber aproveitar a viagem e deixar-nos surpreender por esse incrível país…


Telefone e InternetDelete-Wi-Fi-Network-Profiles-W8.1-1

A grande maioria dos hotéis e restaurantes têm Wi-Fi gratuito, por
vezes não funciona a 100% mas dá para desenrascar.

Quanto ao telefone comprar um cartão SIM pré-pago fica em conta! As operadoras mais comuns são a True, a CAT e a TOT que encontrarás facilmente à venda nos aeroportos podendo depois recarregar em qualquer loja 7-eleven.


Clima

          cliNa Tailândia o clima é tropical existindo duas épocas: uma época “húmida” de Junho a Outubro (Green season) e uma época “seca” de Novembro a Maio. No entanto sendo um país tropical poderá chover em qualquer altura mas geralmente não mais do que 1 a 3 horas por dia.

No norte da Tailândia as chuvas são mais abundantes e existe uma maior diferença de temperatura entre o dia e a noite principalmente durante a época seca. Será melhor levar roupa quente para passear à noite e para visitar o Doi Inthanon (localizado na montanha mais alta da Tailândia).

No sul (Phuket,  Krabi, Koh Lanta) não existem tais variações de temperatura e a diferença entre época seca e época húmida também não é tão marcada.

Ao contrário do resto do país, as ilhas do golfe (Koh Samui, Koh Phangan e Koh Tao) têm épocas “trocadas” sendo a época húmida de Novembro a Maio. 

RESUMINDO: em geral a melhor altura para ir à Tailândia é de Novembro a Maio. Para as ilhas do golfe preferir ir entre Junho e Outubro.


Dinheiro / Custo de vida 

A mtailandia-notade1000oeda local é o bahts (1€ ~ 40 bahts). Nas grandes cidades encontram-se facilmente vários bancos e agências para trocar euros. As agências fecham mais tarde que os bancos principalmente nos sítios turísticos e estão abertas ao fim de semana. Os bancos estão abertos das 8h30 às 15h30 e fecham ao fim de semana. Existem também várias caixas automáticas espalhadas pelas cidades, havendo no entanto uma taxa (150 THB) para cada levantamento realizado para além da taxa de cada banco, por isso mais vale levantar poucas vezes e em maior quantidade.

O custo de vida continua baixo comparado à Europa mas essa diferença tem se tornado cada vez menos evidente em cidades como Bangkok e principalmente nas ilhas do Sul como Phuket e Koh Phi Phi,  esta última sendo provavelmente o sítio mais caro de todo o país. O custo médio diário incluindo refeições, dormida e transporte é de cerca de 20€ dependendo dos sítios obviamente. Para ter uma ideia dos preços podes ver todos os nossos gastos na nossa página 20 dias na Tailândia o nosso Resumo.


Electricidade

A voltagem na Tailândia é de 220 V a 50 Hz, geralmente não é preciso adaptadores  para as tomadas porque na maioria dos sítios existem tomadas mistas, isto é, com dois pinos achatados e dois pinos redondos.

tomada-tailandiatomadas_tailandia

Mesmo assim, não será má ideia comprar um  adaptador simples principalmente se tencionares ir para sítios menos turísticos.


Quanto à saúde

As informações disponibilizadas aqui não substituem em nada a ida a uma consulta do viajante!!!

Não há vacinas “obrigatórias” para a Tailândia, no entanto, é essencial ter as vacinas actualizadas segundo o plano de vacinação nacional. 

Vacinas altamente recomendadas:

  • Hepatite A: 2 doses necessárias espaçadas de 6 meses. Para quem não estiver vacinado contra a hepatite B existe uma vacina combinada que necessita então de 3 doses aos 0, 1 e 6 meses.
  • Febre tifóide: 2 doses num intervalo de 30 dias sendo realizada apenas em centro de vacinação internacional.

Outras vacinas:

  • Encefalite japonesa: essa vacina é apenas recomendada para estadias prolongadas (mais do que 30 dias) e para os viajantes que tencionam visitar regiões acima de Chiang Rai perto da fronteira principalmente durante a época das chuvas. Ter em consideração que esta doença possui graves consequências (1/3 das pessoas que contraem esta doença morre e 1/3 permanece com sequelas irreversíveis). A vacina necessita de 2 doses com 28 dias de intervalo e cada dose custa cerca de 85€.
  • Raiva: recomendada principalmente para longas estadias em zonas rurais. (3 injecções são necessárias). É preciso evitar o contacto com animais selvagens incluindo os macacos. Se fores mordido ou arranhado dirige-te ao hospital mais próximo o mais rapidamente possível!

Medidas de prevenção:

  • Diarreia do viajante : é uma doença muito frequente na Ásia e deve-se principalmente à ingestão de água ou comida contaminada. As medidas de prevenção consistem em não beber água da torneira nem bebidas com gelo, lavar os dentes com água fervida ou engarrafada, lavar as mãos antes de cada refeição, evitar a ingestão de alimentos condimentados ou crus bem como produtos lácteos, legumes e fruta verde. Se ficares doente não é nada de grave, é apenas uma diarreia de ~3 dias. É essencial beber muita água para não desidratar. Além disso existem várias medicações que podem ajudar a aliviar a sintomatologia como a Loperamida. A toma de um antibiótico (como a ciprofloxacina) está recomendada nos casos em que a diarreia persistir por mais que 3 dias ou se apresentar sinais e sintomas de alarme (febre elevada, número de dejecções por dia superior a 10, cólicas violentas ou sangue nas fezes).
  • Malária: não há risco de contrair essa doença na Tailândia, por isso as medidas de prevenção estão apenas recomendadas para aqueles que tencionarem visitar os países vizinhos ou zonas rurais perto das fronteiras principalmente durante a estação da chuva.

Mais informações sobre medidas de prevenção gerais e vacinas para os viajantes aqui.

Não sabem como escolher um seguro de viagem? Está tudo explicado aqui.

Ainda têm dúvidas?? Perguntem nos comentários! 🙂

Filha e neta de imigrantes, as malas seguem-me desde a minha infância. O meu sonho, conhecer cada recanto do nosso maravilhoso mundo, faz com que esteja constantemente a pensar na próxima viagem. Natural de França, vivo actualmente no Porto, onde sou médica nas horas de trabalho e viajante nos meus tempos livres.

One thought on “Informações essenciais sobre a Tailândia

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *