Belezas escondidas do México

Belezas escondidas do México

Este é o roteiro ideal para quem gosta de descobrir lugares deslumbrantes e pouco turísticos. O nosso terceiro dia no México consistiu em ir de Izamal para Mérida passando por dois lugares que apenas raros turistas conhecem. Deixo-vos partir à descoberta destes tesouros…

 

IZAMAL | A Cidada Amarela

Izamal é uma pequena cidade colonial localizada a meio caminho entre Valladolid e Mérida, tornando-se assim uma paragem oportuna para quem viaja de carro entre estas duas cidades. Inicialmente Izamal não fazia parte dos nossos planos, mas quanto mais lia sobre essa cidade mais vontade tinha de a conhecer, até que decidimos passar uma noite nesta cidade singular.

Ruelas de Izamal
Ruelas de Izamal

COMO CHEGAR:

  • Para quem vem de Valladolid pode seguir pela 180D (com portagens ~1h20) ou pela Carretera Izamal-Valladolid/YUC 79 e YUC 11 (sem portagens ~1h40).
  • Para quem vem de Mérida basta seguir a 180 em direcção a Izamal (~50 min)

 

Ruelas de Izamal
Ruelas de Izamal

O QUE VISITAR EM IZAMAL?

Não muito. A verdade é essa. A cidade é para ser sentida, percorrida e vista, não visitada. O ar que se respira é afável e calmo, tal como as pessoas que vivem aqui, que sorriem mais e se movem com mais leveza. Daqui leva-se o espírito, na sua versão mais amarela.

Monastério de San Antonio no centro de Izamal
Monastério de San Antonio, no centro de Izamal

Onde dormir?

Optamos por um pequeno hotel, localizado perto do centro da cidade, a Posada Ya’ax Ich. Quarto espaçoso, ar condicionado, TV, wi-fi, casa de banho privada, piscina, estacionamento e uma relação qualidade/preço muito boa (~20€/noite)

Quarto duplo no hotel Posada Ya’ax Ich
Quarto duplo no hotel Posada Ya’ax Ich

Onde comer?

Kinich El Sabor d’Izamal é um dos top 3 do tripadvisor em Izamal. O Venado almendrado (à esquerda) e El Queso Relleno (à direita) não nos desiludiram! É preciso contar com uma média de 200 pesos por pessoa para um prato + bebida.

izamal

Restaurante Kinich El Sabor de Izamal
Restaurante Kinich El Sabor de Izamal

MAYAPAN | As nossas ruínas favoritas do Yucatán

As ruínas de Mayapán ficam a 40 min de Mérida e 1h de Izamal. Foram as únicas ruínas que visitamos totalmente sozinhos e talvez seja por isso que este local nos tenha marcado tanto.

No topo da pirâmide de Mayapán
No topo da pirâmide de Mayapán

Divertimo-nos imenso neste parque e se, como nós, quiserem subir sozinhos ao topo da mais alta pirâmide de Mayapán e passear entre as diversas ruínas do parque apenas na companhia das iguanas, terão de chegar bem cedo!

Pirâmide principal de Mayapán

Mayapan

llMayapan

INFORMAÇÕES ÚTEIS:

  • Horário: 08h00 – 17h00
  • Tarifa: 30 pesos por pessoa
  • Dica: se tencionam levar uma Gopro e quiserem poupar 45 pesos, escondem-na no momento de pagar, isto é válido para qualquer área arqueológica 😉

Mayapan

NOH MOZON | O Cenote mais bonito do Yucatán!

Cenote Noh Mozón, água mais clara era impossível
Cenote Noh Mozón, água mais clara era impossível

Sem dúvida o cenote mais bonito que visitamos, mas também o mais isolado de todos… é preciso “lutar” para lá chegar! Localizado a apenas 11 kms das ruínas de Mayapán é uma boa opção para se refrescar antes de seguir caminho para Mérida ou Valladolid. 

Cenote Noh Mozón

Cenote Noh Mozon

COMO CHEGAR:

[Se colocarem Cenote Noh Mozón no google maps aparece o trajecto todo direitinho até lá]

Ao sair das ruínas de Mayapán virem à esquerda na estrada principal e saiam logo na primeira saída. Tenham cuidado pois essa estrada tem alguns buracos e lombas. Na pequena aldeia que irão atravessar, Telcaquillo, irão passar por uma igreja, aí virem à direita e sigam até à próxima aldeia chamada Pixya. Normalmente, logo ao chegar a essa aldeia irão ser interpelados por 2 ou 3 garotos que vos irão ajudar a chegar ao cenote em troca de uma pequena gorjeta. De Pixya faltam apenas 5 kms para chegar ao cenote, mas não subestimem esses 5 kms!! Demoramos mais de meia hora para fazer esse trajecto de carro e quase que íamos ficando presos no meio das pedras. Essa estrada é mesmo péssima, por isso NÃO LEVEM O CARRO, podem ir de bicicleta (os garotos emprestam) ou a pé, mas esqueçam lá o carro [podem deixá-lo na aldeia de Pixya]. Depois do esforço terão a recompensa 😉

Gostaram do itinerário fora das rotas turísticas? Espero que estas fotografias vos motivem a viajar tentando sempre partir à descoberta de locais menos conhecidos como estes 😉

.

Filha e neta de imigrantes, as malas seguem-me desde a minha infância. O meu sonho, conhecer cada recanto do nosso maravilhoso mundo, faz com que esteja constantemente a pensar na próxima viagem. Natural de França, vivo actualmente no Porto, onde sou médica nas horas de trabalho e viajante nos meus tempos livres.

2 thoughts on “Belezas escondidas do México

    1. Olá Nela. Uma Gopro é uma máquina fotográfica compacta usada para fotografar ou filmar actividades outdoor e subaquáticas. É considerada como uma máquina profissional na maioria dos sítios arqueológicos do México, e por essa razão, exigem o pagamento de uma taxa extra.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *